terça, 22 outubro 2019
WhatsApp

Fale com a

FEF

17   3465-0000

17 98184-0169

COMUNICADO

    Informamos à todos que devido ao INTERFEF o horário de funcionamento da IES no período de 14/10/2019 à 21/10/2019 será das 8h às 18h. Informamos que os alunos deverão comparecer nos locais onde estão sendo realizados os jogos. Agradecemos a sua compreensão.

Imagem da Notícia: DAS TELAS DO CINEMA PARA OS ESTÚDIOS DA FEF

DAS TELAS DO CINEMA PARA OS ESTÚDIOS DA FEF

 

A magia do “fundo verde” é realidade no laboratório de jornalismo

Por Higor Sanches Alonso

 

Há quem diga que os efeitos especiais fazem toda a diferença no cinema, e não há quem discorde disso. Produções como Avatar, Os Vingadores, até o clássico Titanic usam e abusam deles para encher nossos olhos.

A questão é que muitas vezes, nem Jack e Rose ou o Homem de Ferro são relativamente os protagonistas da história. O Chroma Key, ou o famoso fundo verde ou fundo falso fez parte de todas essas produções. Nas edições de vídeo ou até fotos, o processo de retirar o fundo esverdeado ou azulado é fácil, assim fazendo nossas mentes voarem, as imergindo nas histórias que o diretor ou roteirista do filme propuseram.

E não são apenas os estúdios hollywoodianos que contam com o requisitado recurso, a Fundação Educacional de Fernandópolis também utiliza o Chroma Key em produções que os alunos realizam no laboratório de audiovisual.

“O Chroma Key, na realidade, o fundo falso se tornou uma ferramenta presente em quase todas as produções, seja no telejornalismo, por exemplo, no fundo de um telejornal quanto no cinema”, explica o professor Alexandre Costa, doutor em Comunicação e Semiótica, graduado em Jornalismo, Relações Públicas e Publicidade.

Alexandre ressaltou que 90% dos cenários que percebemos na indústria cinematográfica tem um Chroma Key por trás. “O Chroma Key nada mais é do que um pano, uma tinta, uma pintura, uma superfície que reflete determinado comprimento de onda, geralmente na cor verde ou azul e essas cores são captadas pelos sensores de um equipamento sensível a esse comprimento de onda e que permitem a eliminação por completo da coloração e em troca projetando ou colocando um cenário virtual no fundo da imagem”.

A facilidade de trabalhar com esses recursos ganham espaços, não apenas em estúdios, mas em casa também; o Youtube mesmo está cheio de tutoriais que ensinam a trabalhar com o Chroma Key utilizando a própria parede do quarto; claro, há outros instrumentos a serem usados como a iluminação própria, para não causar sombreamento na parede pintada.

Ficou curioso? Então faça uma visitinha ao laboratório de audiovisual da faculdade para saber mais e veja que sempre há alguma coisa por trás dos maiores feitos, no caso destes, o fundo verde.

Mais Notícias

Faça seu comentário

Seu e-mail não será exibido!



Ir para o topo