domingo, 25 outubro 2020
Imagem da Notícia: EGRESSO DA FEF É DESTAQUE NACIONAL

EGRESSO DA FEF É DESTAQUE NACIONAL

 

Gilmar Oliveira Santos, egresso do curso de Engenharia Ambiental e Sanitária da Fundação Educacional de Fernandópolis/FEF, nasceu e cresceu na cidade de Gurinhatã/MG, localizada no triângulo mineiro. 

Desde muito cedo, sua infância foi marcada por muito trabalho, não deixando de lado o prazer e a vontade de estudar. Gilmar era autônomo em um negócio da família e toda sua rotina se baseava em estudar de manhã e trabalhar a tarde e à noite.

Após terminar o ensino médio, ele tomou uma decisão muito importante em sua vida, ir em busca de seus sonhos e se tornar um profissional de sucesso. 

Com 17 anos, Gilmar deixou a casa dos pais e se mudou para Fernandópolis, onde havia decidido cursar a graduação de Engenharia Ambiental e Sanitária pela FEF. 

“A escolha pela FEF foi em função da qualidade e reconhecimento de profissionais que já haviam se formado na instituição, em outras áreas, e assim, reconhecendo a qualidade dos professores que faziam parte do curso de Engenharia Ambiental, através de seus currículos. Tudo isso, fez com que eu não seguisse uma tradição da minha terra natal, que era cursar uma faculdade nas cidades mineiras mais próximas e de fácil logística - Ituiutaba e Uberlândia, pois na época a estrada de Gurinhatã à Iturama não era asfaltada, dificultando o acesso”, contou Gilmar. 

O egresso recordou que, através da orientação de seus professores, desde o primeiro semestre do curso, teve a oportunidade de realizar diversas atividades paralelas para o ganho de conhecimento e enriquecimento de seu currículo. 

Durante sua passagem pela FEF, ele teve a oportunidade de participar de iniciações científicas; semanas acadêmicas; congressos e eventos; realização da divulgação do curso em vestibulares; publicação de um artigo na revista Universitas, da instituição; monitorias de cálculo diferencial e integral e estágio na Secretaria do Meio Ambiente de Fernandópolis. 

Após concluir sua graduação em Engenharia Ambiental, Gilmar fez Mestrado em Agronomia pela Universidade Estadual Paulista de Ilha Solteira/SP, na área de Agroclimatologia e Irrigação e se tornou Doutor em Agronomia pela Universidade Estadual Paulista de Jaboticabal/SP, na área de Engenharia Rural com ênfase em irrigação.

Desde o ano de 2015, se tornou o mais novo servidor concursado na Universidade de Rio Verde como Professor Adjunto, sendo responsável pelas disciplinas de Agroclimatologia e Irrigação nos cursos de Graduação, Pós-Graduação e Mestrado em Agronomia. Teve 163 trabalhos escritos e publicados em eventos científicos nacionais e internacionais, participação em 11 capítulos de livros com 1 publicado, 51 bancas de trabalhos científicos e concursos públicos, 2 projetos de pesquisas aprovados com recursos privados – avaliados em R$130.000,00 reais, foi revisor de 8 revistas científicas, apresentou trabalhos desenvolvidos em eventos na Suíça e no México, desenvolveu  um  software - Sistema para Manejo da Agricultura Irrigada com divulgação inicial pela National Geographic e participou de reportagens nos programas televisivos Balanço Geral, Globo Rural e Jornal Nacional.

“Contudo, agradeço imensamente o apoio e a confiança dos professores que me deram a oportunidade e me auxiliaram para almejar essas conquistas, pois, sempre presei em não ser apenas mais um com certificado na mão e sim, um certificado, com muito conhecimento e história para um currículo expressivo. Para a consolidação desse sonho, os professores da FEF foram essenciais, me orientaram e me apresentaram a pesquisa científica, além do conhecimento técnico, propiciando alcançar novos objetivos, com nível de conteúdo adquirido, compatível aos candidatos de diferentes regiões do nosso país”, concluiu Gilmar 

Mais Notícias

Faça seu comentário

Seu e-mail não será exibido!



Ir para o topo